Perguntas Frequentes

O que é um sidecar?

É um acoplamento preso ao lado direito da moto, que ajuda a transformar esta em um veículo de carga.

Sidecar é o mesmo que triciclo motorizado?

Não. Uma moto com sidecar é um veículo de três rodas, em que a roda lateral não é alinhada diretamente com a roda traseira da motocicleta, o acoplado é tracionado apenas por uma roda

Quais as cores disponíveis de sidecar?

A cor padrão das carenagens é branca, mas elas podem ser personalizadas conforme a necessidade de cada cliente.

O sidecar altera a estrutura original da moto?

Não, o Sidecar é apenas acoplado na furação original da moto, não há cortes e nem soldas no chassi, a carenagem é apenas parafusada na moto.

Em quais motocicletas é possível acoplar o sidecar?

Atualmente produzimos sidecars para as seguintes marcas de moto: HONDA (todos os anos e modelos), YAMAHA (todos os anos e modelos), de 125 e 150 cilindradas.

Como é feita montagem do sidecar à moto?

É um procedimento simples que deve ser realizado por um mecânico de motos. Junto com o equipamento, é enviado um kit completo com “Manual de Alinhamento e Montagem” e contato do serviço de apoio por telefone.

O sidecar é permitido pelo DENATRAN e INMETRO?

Sim, os sidecars da Fibralumi são homologados pelo INMETRO e DENATRAN. Ao adquirir o equipamento, o cliente recebe uma cópia do CAT (Certificado de Adequação à Legislação de Trânsito).

Precisa documentar o sidecar?

Sim, após a adequação do veículo, é necessário incluir no CRV da moto uma observação da carroceria sidecar.

Como se documenta sidecar?

Para moto 0km, basta na compra do sidecar informar o número do chassi da motocicleta antes de iniciar a documentação, assim a Fibralumi fará a inserção da carroceria sidecar no Cadastro Bin do veículo. Portanto, na emissão do documento já constará a observação do acoplamento conforme exige a legislação.
Para as motos já emplacadas é necessário tirar uma autorização do DETRAN, apresentando a nota fiscal do sidecar e o CAT (Certificado de Adequação a Legislação do Trânsito), que é enviado junto com o “Kit Fibralumi”. Depois, basta levar a motocicleta com o sidecar instalado para a Inspeção no INMETRO mais próximo, onde emitirão a CSV (Certificado de Segurança Veicular). Então retornar ao DETRAN para alteração no CRV.
OBS: A Nota Fiscal do sidecar deve estar no mesmo nome em que está a documentação da motocicleta.

Qual INMETRO mais próximo?

Clique aqui para pesquisar qual é a unidade acreditada pelo INMETRO mais próximo de sua cidade.

O que é necessário para documentação do sidecar?

Nota Fiscal do sidecar, Cópia do CAT (Certificado de Adequação à Legislação de Trânsito) do produto, CRV da Motocicleta e CNH do condutor responsável pelo andamento do processo. Após a Inspeção do INMETRO acrescenta-se ao processo o CSV (Certificado de Segurança Veicular).

INFORMAÇÕES ADICIONAIS

• Para comprar o seu sidecar ou carreta reboque, entre em contato diretamente com a Fibralumi.
• Para consultas de preços e condições de pagamento, basta informar o modelo ou características necessárias para a fabricação do modelo personalizado junto com a solicitação de orçamento.
• A Fibralumi vende para todo o Brasil.
• Entrega: retirada direta na Fibralumi com agendamento prévio ou via transportadora parceira ou da preferência do cliente.
• Adaptação gratuita do veículo na Fibralumi com agendamento prévio.